Ataque de Marina Silva leva Caiado a cogitar candidatura à Presidência

A rejeição da ex-senadora Marina Silva a uma aliança do PSB com o agronegócio reacendeu em setores do DEM a esperança de voltar a ter um candidato à Presidência da República após 25 anos.

Caiado, que negociava apoio à candidatura de Eduardo Campos, não só descartou essa possibilidade, como já admite que pode ser candidato à sucessão da presidente Dilma Rousseff. O goiano, um dos líderes da bancada ruralista no Congresso, já teria o apoio de setores do seu partido descontentes com a função de “satélite” do PSDB, e a simpatia de grande parcela do agronegócio. Ontem, mais entidades do setor produtivo divulgaram notas de solidariedade a Caiado.

“O Eduardo Campos quebrou minhas pernas, porque deixou passar o tempo de articular composições em Goiânia. Esse fato me jogou para o cenário nacional. Tanto é que na semana que vem estarei em Cuiabá, cuidando agora de uma agenda nacional”, disse Caiado ontem.

Caciques do DEM em alguns estados avaliam que uma candidatura própria, defendendo valores liberais no aspecto econômico e conservadores no campo moral, possibilitaria ao partido aumentar sua bancada de deputados federais que vem minguando desde 2002.

Ontem, o “ex-blog” do vereador Cesar Maia, uma das lideranças nacionais do DEM, transcreveu suposto relato de funcionário de um instituto de pesquisa que defende que “há um vetor claramente disponível à direita” nas eleições presidenciais. “Em, digamos, uns 3 ou 4 meses, Kátia (Abreu) ou (Ronaldo) Caiado estariam na frente de Aécio e Campos”, escreveu.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s