PT gatará R$ 290 milhões para tentar reeleger Dilma Rousseff

Quando formalizar o registro da candidatura da presidente Dilma Rousseff, o PT vai informar à Justiça Eleitoral que o teto de gastos do partido na campanha de reeleição será de R$ 290 milhões. Em 2010, quando Dilma concorreu pela primeira vez, os petistas estimaram gastar R$ 157 milhões, mas a quantia foi revisada para R$ 191 milhões na passagem do primeiro para o segundo turno.

O PSB, por sua vez, projetou gastar R$ 150 milhões com a campanha de Eduardo Campos. Há quatro anos, sua companheira de chapa, Marina Silva, então no PV, registrou um teto de R$ 97 milhões (R$ 120 milhões em valores atuais). O PSDB ainda não informou ao Tribunal Superior Eleitoral qual será seu teto de despesas.

Quarto colocado nas pesquisas, Pastor Everaldo (PSC) estimou gasto máximo de R$ 50 milhões em sua campanha.

A apresentação de estimativas de gastos é uma exigência da legislação. Além disso, devem constar no pedido de registro do candidato a presidente declaração de bens, plataforma de governo, certidões criminais e fotografia em formato digital, dentre outros documentos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s